Translate

segunda-feira, 21 de março de 2016

De discipulador para discípulo... De pai para filho... (3)

Texto: (Mateus 28:18-20).

Introdução: Depois que Jesus recebeu autoridade absoluta, senhorio de tudo, ordenou os seus discípulos a fazerem discípulos. Somos filhos espirituais e temos também a responsabilidade de sermos pais espirituais.

Vamos conhecer agora um pouco sobre Timóteo, o mais conhecido filho espiritual do apóstolo Paulo:

(1 Timóteo 1:2) “A Timóteo, meu verdadeiro filho na fé: Graça, misericórdia e paz da parte de Deus Pai e de Cristo Jesus, o nosso Senhor."

O apóstolo Paulo conheceu Timóteo em Listra (hoje Turquia), provavelmente sua cidade natal. Sua mãe era judia cristã, e o seu pai era grego, por isso foi circuncidado para evitar as críticas dos judeus. Timóteo tinha um bom testemunho, tanto em Listra como em Icônio (Atos 16:1-3).

Timóteo acompanhava o apóstolo Paulo em suas viagens missionárias (Atos 17:14,15; 18:5; 20:4), era um cooperador do apóstolo (1 Coríntios 4:17), (Romanos 16:21), (Filipenses 2:19-22), e até chegou a ser preso por causa do evangelho, assim como o apóstolo Paulo (Hebreus 13:23).

Tudo indica que Timóteo era tímido, mas muito firme em Cristo, por isso o apóstolo encorajou os cristãos de Corinto para que o acolhessem com muito respeito (1 Coríntios 16:10,11).

Timóteo foi enviado à igreja em Tessalônica para encorajá-los em tempos de tribulações (1 Tessalonicenses 3:2,3).

O tratamento do apóstolo com Timóteo era de uma pai amoroso com o seu filho amado (1 Timóteo 1:18), (2 Timóteo 1:2; 2:1), porque ele tinha especial admiração pela sua fidelidade ao Senhor. Fez questão de mencioná-lo como co-remetente em seis das suas epístolas canônicas (2 Coríntios, Filipenses, Colossenses, 1 e 2 Tessalonicenses e Filemon).

Timóteo foi instruído no Antigo Testamento, pela sua mãe e sua avó (2 Timóteo 1:5), e muito bem instruído em seu ministério pelo apóstolo Paulo (1 Timóteo 3:14,15; 1:3,18). Capacitou e nomeou líderes espirituais para pastorear a igreja do Senhor (1 Timóteo 3:1-13; 5:17-25).

Timóteo combateu falsos ensinos e heresias da época (1 Timóteo 1:3-7; 4:1-8, 6:3-5,20,21).

Conclusão: Aprendemos muito com o apóstolo Paulo e com Timóteo. Com o apóstolo Paulo aprendemos a obedecer com muita responsabilidade a ordem de Jesus (Mateus 28:18-20), ensinando Timóteo a obedecer toda a Palavra de Deus e a exercer o seu ministério. E com Timóteo aprendemos a ser um filho amado, sempre disposto a aprender e a crescer na obra do Senhor.

Graça e paz,
Pra. Angela Caldas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Registre e compartilhe conosco uma experiência vivida ou um comentário de bênção. Obrigado