Translate

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Perdão (Baseado Na Vida De José Do Egito)

Nenhuma outra história na bíblia... (Gênesis 37 a 50) ...Nos ensina mais sobre o perdão do que a de José. Homem que tinha tudo para se deixar marcar pela falta de perdão, mas vemos que isso não aconteceu porque ele era um homem temente a Deus
José sofreu muitas injustiças ao longo de sua vida, mas não deixou que nenhuma delas decidissem o seu futuro... 
Se comportou de forma correta em todas as situações... E teve a sua história notavelmente dividida entre o tempo da sua humilhação e sua exaltação.
  • (Gálatas 6:9) "E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio colheremos, se não desanimarmos".


Filho preferido

(Gênesis 37:3) José era o filho preferido de Jacó, porque era o filho da sua velhice... Ganhou uma túnica talar de mangas compridas de seu pai e por causa disso foi desprezado pelos seus irmãos (V.4). José também era um filho trabalhador (V.2), obediente (V.13), e levava as más notícias dos seus irmãos para o seu pai (V.2,14). José tinha 17 anos (V.2).



Primeira injustiça: Perda da túnica (veste de honra)

(Gênesis 37:14) Um dia seu pai mandou-lhe ver se tudo ia bem com seus irmãos, para dar-lhe notícias... 

(V.23) "E aconteceu que, chegando José a seus irmãos, tiraram de José a sua túnica, a túnica de várias cores, que trazia".


Segunda injustiça: Perda da posição honra

(Gênesis 37:24) E o lançaram na cisterna vazia, sem água. (Na verdade o que os seus irmãos queriam... Era tirar-lhe o direito de  primogenitura).



Terceira injustiça: Perda da Liberdade
Quarta injustiça: Perda da Família

(Gênesis 37:27) Por causa do ódio e da inveja que seus irmãos tinham dele, ele foi vendido como escravo para os ismaelitas.

(Gênesis 39:1) Vendido de novo para Potifar, oficial de Faraó, capitão da guarda, homem egípcio. 
José trocou o melhor manto da sua família (túnica de várias cores), pelo uniforme de escravo, e passou a trabalhar na casa de Potifar:
  • Mas Deus era com ele: (Gênesis 39:2-6) "O Senhor estava com José, de modo que este prosperou e passou a morar na casa do seu senhor egípcioQuando este percebeu que o Senhor estava com ele e que o fazia prosperar em tudo o que realizava, agradou-se de José e tornou-o administrador de seus bens. Potifar deixou a seu cuidado a sua casa e lhe confiou tudo o que possuía. Desde que o deixou cuidando de sua casa e de todos os seus bens, o Senhor abençoou a casa do egípcio por causa de José. A bênção do Senhor estava sobre tudo o que Potifar possuía, tanto em casa como no campo. Assim, deixou ele aos cuidados de José tudo o que tinha, e não se preocupava com coisa alguma, exceto com sua própria comida".


Quinta injustiça: Perda da boa reputação

(Gênesis 39:6b) José era formoso de porte e de aparência, e passou a ser  cobiçado pela mulher de Potifar... Mas sempre agindo com temor a Deus...


Marcas de temor a Deus: (Gênesis 39:9) "Como poderia eu, então, cometer algo tão perverso e pecar contra Deus?"

  • (V.10 a 13) "Assim, embora ela insistisse com José dia após dia, ele se recusava a deitar-se com ela e evitava ficar perto dela. Um dia ele entrou na casa para fazer suas tarefas, e nenhum dos empregados ali se encontrava.Ela o agarrou pelo manto e voltou a convidá-lo: "Vamos, deite-se comigo!" Mas ele fugiu da casa, deixando o manto na mão dela".
Mas mesmo agindo com temor foi falsamente acusado... E lançado na prisão... Junto com os prisioneiros do rei (V.20).
  • Mas Deus era com ele: (Gênesis 39:20-23) "Mandou buscar José e lançou-o na prisão em que eram postos os prisioneiros do rei. José ficou na prisão, mas o Senhor estava com ele e o tratou com bondade, concedendo-lhe a simpatia do carcereiroPor isso o carcereiro encarregou José de todos os que estavam na prisão, e ele se tornou responsável por tudo o que lá sucediaO carcereiro não se preocupava com nada do que estava a cargo de José, porque o Senhor estava com José e lhe concedia bom êxito em tudo o que realizava".


José interpreta sonhos: Copeiro e do Padeiro

(Gênesis 40:1-5) Algum tempo depois, o chefe dos copeiros e o chefe dos padeiros ofenderam a Faraó e foram lançados na prisão que José estava, e ficou aos seus cuidados. Depois de certo tempo tiveram  sonhos...  E contaram a José...

Marcas de temor a Deus: (Gênesis 40:8) "Tivemos sonhos, mas não há quem os interprete". Disse-lhes José: "Não são de Deus as interpretações? Contem-me os sonhos".
E José interpretou os sonhos... Copeiro: (Gênesis 40:12-13), Padeiro: (Gênesis 40:18-19).

Sexta injustiça: Sofreu ingratidão 

(Gênesis 40:14-15) José pediu para que o copeiro se lembrasse dele... E o tirasse da cadeia... O copeiro não se lembrou de José, porém se esqueceu dele (V.23). 

Faraó teve sonhos: José é chamado para interpretá-los...

(Gênesis 41:1) Ao final de dois anos que o Faraó teve sonhos... Foi nessa época que o copeiro lembrou de José... (9). E José foi chamado para interpretá-los (V.14)

Marcas de temor a Deus: (Gênesis 41:16) "Respondeu-lhe José: "Isso não depende de mim, mas Deus dará ao faraó uma resposta favorável". 
(Gênesis 41:25-30) José interpreta os sonhos de Faraó.
(Gênesis 41:37-45) E foi grandemente honrado...
Era José da idade de 30 anos quando se apresentou a Faraó (V.46).

Até o Faraó reconheceu Deus na vida dele:

Marca de Deus na vida dele: (Gênesis 41:38) "E disse Faraó a seus servos: Acharíamos um homem como este em quem haja o espírito de Deus?" 

José foi RESTITUÍDO de todo mal que sofreu...
  • (Romanos 8:28) "Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito".
  • (Efésios 3:20) "Àquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o seu poder que atua em nós".

Primeira injustiça: Perda da túnica (Veste de honra)

Restituição (Veste de honra) 
  • (Gênesis 41:42) "E tirou Faraó o anel da sua mão, e o pós na mão de José, e o fez vestir de roupas de linho fino, e pôs um colar de ouro no seu pescoço".

Segunda injustiça: Perda da posição honra

Restituição (Posição de honra - Governador)
  • (Gênesis 41:43-44) "E o fez subir no segundo carro que tinha, e clamavam diante dele: Ajoelhai. Assim o pôs sobre toda a terra do Egito. E disse Faraó a José: Eu sou Faraó; porém sem ti ninguém levantará a sua mão ou o seu pé em toda a terra do Egito".

Terceira injustiça: Perda da Liberdade

Quarta injustiça: Perda da Família
Restituição (Liberdade e Família)
  • (Gênesis 41:51-52) "E Faraó chamou a José de Zafenate-Panéia [REVELADOR DE SEGREDOS], e deu-lhe por mulher a Azenate, filha de Potífera, sacerdote de Om; e saiu José por toda a terra do Egito. 
  • (Gênesis 41:45) E chamou José ao primogênito Manassés, porque disse: Deus me fez esquecer de todo o meu trabalho, e de toda a casa de meu pai. E ao segundo chamou Efraim; porque disse: Deus me fez crescer na terra da minha aflição".

Quinta injustiça: Perda da boa reputação

Restituição (Boa reputação)
  • (Gênesis 41:39) "Depois disse Faraó a José: Visto que Deus te fez saber tudo isto, ninguém há tão ajuizado e sábio como tu."

Sexta injustiça: Sofreu ingratidão 

Restituição (Gratidão e honra de Faraó)
  • (Gênesis 41:40-41) "Tu estarás sobre a minha casa, e por tua boca se governará todo o meu povo, somente no trono eu serei maior que tu. Disse mais Faraó a José: Vês aqui te tenho posto sobre toda a terra do Egito".


Marcas do perdão

Quando os irmãos chegaram ao Egito...

(Gênesis 45:5) "Agora, pois, não vos entristeçais, nem vos pese aos vossos olhos por me haverdes vendido para cá; porque para conservação da vida, Deus me enviou adiante de vós. 
(V.7) Pelo que Deus me enviou adiante de vós, para conservar vossa sucessão na terra, e para guardar-vos em vida por um grande livramento.
(V.8) Assim não fostes vós que me enviastes para cásenão Deus, que me tem posto por pai de Faraó, e por senhor de toda a sua casa, e como regente em toda a terra do Egito

Depois da morte de seu pai...

(Gênesis 50:15) "Vendo então os irmãos de José que seu pai já estava morto, disseram: Porventura nos odiará José e certamente nos retribuirá todo o mal que lhe fizemos.
(Gênesis 50:19 e 20) "E José lhes disse: Não temais; porventura estou eu em lugar de DeusVós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida.

Até no nome dos seus filhos...
Manassés: (Gênesis 41:51) "E chamou José ao primogênito Manassés, porque disse: Deus me fez esquecer de todo o meu trabalho, e de toda a casa de meu pai".
Significado do nome Manassés: Esquecimento
Esqueceu a crueldade dos irmãos e de toda a humilhação que sofreu...
  • (Filipenses 3:13) "...Esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim..."

Efraim: (Gênesis 41:52) "E ao segundo chamou Efraim; porque disse: Deus me fez crescer na terra da minha aflição".

Significado do nome Efraim: Produtividade, fruta em dobro, fertilidade dobrada.


Conclusão:
O segredo da vitória de José estava no perdão e na caminhada dele sem se esquecer de Deus... Enquanto passava pela prova...

Não podemos esquecer:
Quem não perdoa se torna escravo da falta de perdão...
  • (2 Pedro 2:19) "Pois o homem é escravo daquilo que o domina." 
José foi "escravo" no Egito, mas não foi "escravo" da falta de perdão.

"Tudo o que nos acontece, acontece para nos ajudar a subir; são degraus escolhidos pelo próprio Deus". Hennet de Goutel


Graça e paz,
Pra. Angela Caldas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Registre e compartilhe conosco uma experiência vivida ou um comentário de bênção. Obrigado