Translate

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Como nos comportar diante das injustiças da vida?

Vamos aprender agora dentro de princípios bíblicos como nos comportar diante das injustiças da vida, porque pelo fato de sermos cristãos não ficamos imunes a elas.

Sofrermos injustiças:
  • Na família.
  • Na igreja.
  • No trabalho.
  • Na vizinhança... O próprio Senhor Jesus sofreu muitas injustiças aqui na Terra.
A questão é:
  • O que nós vamos fazer com elas e com a dor que elas nos causa?

1) O cristão não deve planejar nenhum tipo de vingança contra os outros:

(Romanos 12)
(17) "A ninguém torneis mal por mal; 

Não devemos pagar o mal com a mesma moeda,

procurai as coisas honestas, perante todos os homens. 

Devemos sempre fazer o que é correto aos olhos de todos para servirmos de exemplo.

Porque...
  • (2 Coríntios 3:2) "Vós sois a nossa carta, escrita em nossos corações, conhecida e lida por todos os homens."

(18) Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens. 
  • Se for possível...
Nem sempre é possível mantermos a paz... Mas a desarmonia nunca deve começar por nós... Devemos ser promotores da paz...

Agir como pacificadores:
  • (Mateus 5:9) "Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus."
Os pacificadores são mais felizes...
  • Bem-aventurado: Prósperos, pessoa de sorte, abençoados, felizes...

(19) Não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira (ira de Deus)porque está escrito: Minha é a vingança; eu recompensarei, diz o Senhor.
O cristão deve liberar perdão
  • (Mateus 6:12) "E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores."
    Perdoar não significa que a pessoa não vai ser punida... Perdoar é passar a vingança para as mãos de Deus... Deixar Deus ser o juiz. Ele promoverá a justiça devida para cada situação... 
      • (Salmos 89:14) "Justiça e juízo são a base do teu trono; misericórdia e verdade irão adiante do teu rosto."

      Devemos seguir o exemplo de Jesus:
      • (1 Pedro 2:23) "O qual, quando o injuriavam, não injuriava, e quando padecia não ameaçava, mas entregava-se àquele que julga justamente."
      Entregava a própria vida e a causa nas mãos Daquele que julga com justiça, que julga retamente...

      Deus não entra com o juízo imediato porque Deus é longânimo... Ele dá tempo para o arrependimento:
      • (Tiago 2:13) "Porque o juízo será sem misericórdia sobre aquele que não fez misericórdia; e a misericórdia triunfa do juízo."

      (20) Pelo contrário: "Se o teu inimigo tiver fome, dê-lhe de comer; se tiver sede, dê-lhe de beber. 

      Somos ensinados a tratar o inimigo com bondade:
      • Dê-lhe de comer...
      • Dê-lhe de beber...
      Fazendo isso amontoará brasas vivas sobre a cabeça dele".

      Brasas vivas fala de:
      • Arrependimento.
      • Vergonha... Era um costume antigo dos egípcios, carregar uma panela de brasas vivas sobre a cabeça quando queriam demonstrar arrependimento público.
      Quando insistimos em fazer o bem a quem só nos faz o mal, expomos essa pessoa ao arrependimento e vergonha e somos recompensamos pelo Senhor...
      • (Provérbios 25:22) "Fazendo isso, você amontoará brasas vivas sobre a cabeça dele, e o Senhor recompensará você."
      Devemos fazer o bem sempre:
      • (Gálatas 6:9) "E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio colheremos, se não desanimarmos."

      (21) Não se deixem vencer pelo mal, mas vençam o mal com o bem."

      Devolver o mal com o mal, produzirá mais mal, sem falar que colhemos tudo o que plantamos...
      • (Gálatas 6:7) "Não se deixem enganar: de Deus não se zomba. Pois o que o homem semear, isso também colherá."
      Devemos semear (sementes de qualidade):
      • Perdão
      • Bondade
      • Oração
      • Nosso melhor...
      Porque somos chamados para abençoar:

      (Romanos 12:14) "Abençoem aqueles que os perseguem; abençoem, e não os amaldiçoem."

      • (Tiago 3:10-12) "Da mesma boca procedem bênção e maldição. Meus irmãos, não pode ser assim! Acaso pode sair água doce e água amarga da mesma fonte? Meus irmãos, pode uma figueira produzir azeitonas ou uma videira figos? Da mesma forma, uma fonte de água salgada não pode produzir água doce."
      O cristão só deve abençoar, e nunca deve pronunciar juízo sobre o outro... Nem sobre os inimigos... O julgamento pertence a Deus...
      • Abençoar... (1) Orar pelo bem de alguém até ver Deus respondendo as nossas orações... (2) Falar bem.
      • Amaldiçoar... Desejar o mal ou a destruição de alguém...

      2) O humilde será honrado por Deus: 

      (1 Pedro 5:6) "Portanto, humilhem-se debaixo da poderosa mão de Deus, para que ele os exalte no tempo devido."


      Humilhar debaixo da poderosa mão de Deus é:
      • Confiar na justiça de Deus.
      • Confiar no agir de Deus.
      Deus promete nos exaltar no tempo certo:
      • (Eclesiastes 3:1) "Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu."

      3) O orgulhoso será humilhado por Deus:

      (Tiago 4:6b) "Deus se opõe aos orgulhosos, mas concede graça aos humildes."

      • O orgulhoso gosta de fazer justiça com as próprias mãos...
      Deus não tolera a exaltação própria... O resultado final sempre será a humilhação.
      • (Provérbios 16:18) “O orgulho vem antes da destruição; o espírito altivo, antes da queda."

      4) Todas as coisas trabalham juntas para o bem daqueles que amam a Deus:


      (Romanos 8:28) "E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito."


      Temos aqui uma GRANDE PROMESSA... E uma CONDIÇÃO para ela se cumprir:
      • Todas as coisas trabalham juntas para o bem daqueles que amam a Deus.
      Deus promete... Pegar cada desonra, cada injustiça e fazer com que trabalhe ao nosso favor...
      • Nada que acontece em nossa vida é em vão, Deus tem um propósito em cada situação que enfrentamos...

      Temos um grande exemplo na Bíblia: José do Egito.

      José foi um dos personagens bíblicos mais injustiçados da Bíblia, tinha tudo para se entregar:

      • A amargura.
      • A vingança.
      • A falta de perdão...
      Mas não permitiu que nenhuma injustiça decidisse o seu futuro... Agiu de forma correta em todas as situações...
      • Filho preferido do pai.
      • Vivia em ótimas condições financeiras.
      • Por causa de inveja foi vendido injustamente por seus irmãos. Primeiro para os ismaelitas e depois para Potifar (oficial de Faraó, capitão da guarda, homem egípcio), onde foi acusado injustamente de violência sexual pela esposa de Potifar...
      • Foi preso. Na prisão... Interpretou dois sonhos... Sofreu injustiça novamente por causa da ingratidão do Copeiro... Ficou esquecido na prisão por dois anos...
      Mas por causa da sua atitude perdoadora... Deus cumpriu aquilo que já tinha sido revelado em sonhos e em uma proporção muito maior do que a princípio apresentava... José foi levantado governador do Egito...

      Vejam a declaração de José aos seus irmãos, quando o pai morre e eles pensaram que José iria se vingar:

      • (Gênesis 10:15) "Vendo então os irmãos de José que seu pai já estava morto, disseram: Porventura nos odiará José e certamente nos retribuirá todo o mal que lhe fizemos."
      • (Gênesis 50:19,20) "E José lhes disse: Não temais; porventura estou eu em lugar de Deus? Vós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida."
      Conclusão:

      Perdão... Perdão.. Perdão... Temos que vencer todas as injustiças com o perdão. José foi escravo no Egito, mas não foi escravo da falta de perdão.

      Graça e paz,
      Pra. Angela Caldas.

      Nenhum comentário:

      Postar um comentário

      Registre e compartilhe conosco uma experiência vivida ou um comentário de bênção. Obrigado