Translate

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Princípios Bíblicos

A obediência aos princípios bíblicos geram descanso para as nossas almas, muitas bênçãos e permanência no caminho à Vida Eterna.

(Gênesis 1:1a) “No princípio, criou Deus...”

Desde o início da criação Deus estabeleceu princípios para obedecermos... O primeiro princípio foi um princípio de autoridade:

(Gênesis 2:16,17) "E o Senhor Deus ordenou ao homem: "Coma livremente de qualquer árvore do jardim, mas não coma da árvore do conhecimento do bem e do mal, porque no dia em que dela comer, certamente você morrerá."

(Gênesis 3:6) "Quando a mulher viu que a árvore parecia agradável ao paladar, era atraente aos olhos e, além disso, desejável para dela se obter discernimento, tomou do seu fruto, comeu-o e o deu a seu marido, que comeu também."
  • (Provérbio 14:12) “Há caminho que parece certo ao homem, mas no final conduz à morte."
E a quebra desse primeiro princípio gerou um grande problema para toda a humanidade: A morte espiritual. Morte espiritual é a separação de Deus, separação da comunhão com Deus...
  • (Isaías 59:2) “Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça."
Toda desobediência gera prejuízos, gera morte...

Mas... Deus é rico em misericórdia e amor... Preparou para nós o caminho da salvação...

  • (2 Coríntios 5:21) "Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus."
Quando nós recebemos a Jesus como único Senhor e Salvador de nossas vidas... Recebemos:
  • Perdão de Deus.
  • Restauração da nossa comunhão com Deus.
Nos tornamos filhos de Deus:
  • (João 1:12,13) “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem no seu nome; Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus."


Nós... Temos de aprender...

Que os princípios bíblicos são mais que simples teorias... São verdades completas que produzem resultados corretos. E sempre do interno para o externo.

  • (Romanos 12:2) “Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus."
Quanto mais conhecermos e praticarmos, mais abençoados nós seremos...

Eles funcionam em todo o tempo, em todo o lugar, para pessoas de todas as idades...

  • (Provérbios 22:6) “Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele”.


Caminhar por princípios bíblicos gera descanso para a nossa alma

(Jeremias 6:16,17) “Assim diz o Senhor: Ponde-vos nos caminhos, e vede, e perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho, e andai por ele; e achareis descanso para as vossas almas; mas eles dizem: Não andaremos nele.Também pus atalaias sobre vós, dizendo: Estai atentos ao som da trombeta; mas dizem: Não escutaremos."

"Ponde-vos nos caminhos, e vede,

  • Parar e perguntar para saber o caminho correto.

Perguntai pelas veredas antigas,


Pela  Lei de Moisés.
  • Antigo em hebraico (ÌOLAM): Eterno, para todos os tempos, perpétuo...
A Palavra de Deu é eterna:
  • (Mateus 24:35) “O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar."

Qual é o bom caminho,

  • Bom em hebraico (TOWB): Bom, rico, considerado valiosoamável, agradável...
E andai por ele; e achareis descanso para as vossas almas; mas eles dizem: Não andaremos nele. Também pus atalaias sobre vós, dizendo: Estai atentos ao som da trombeta; mas dizem: Não escutaremos."

Este caminho é o caminho da obediência aos princípios bíblicos... E Deus sempre levantou profetas da justiça para ensinar o Seu povo a andar por esse caminho e encontrar descanso para as suas almas.
  • Quem rejeita esse caminho, entra em um caminho de maldições, medo, ansiedades e tristezas.

Alguns resultados da prática dos princípios bíblicos:

Discernimento espiritual:

(Hebreus 5:13,14) “Quem se alimenta de leite ainda é criança, e não tem experiência no ensino da justiça. Mas o alimento sólido é para os adultos, os quais, pelo exercício constante, tornaram-se aptos para discernir tanto o bem quanto o mal."

Aquele que desde o início da sua salvação busca conhecimento da Palavra com prática... Torna-se maduro na fé e com a capacidade de discernir entre o bem e o mal.

Firmeza diante das tempestades:


(Mateus 7:24-27)
(24) "Portanto, quem ouve estas minhas palavras e as pratica é como um homem prudente que construiu a sua casa sobre a rocha.

Toda a nossa vida de fé deve ser construída sobre o fundamento Jesus Cristo...
  • (1 Coríntios 3:11) “Porque ninguém pode colocar outro alicerce além do que já está posto, que é Jesus Cristo."
Não adianta a pessoa querer obedecer a Palavra de Deus sem reconhecer e receber Jesus como Senhor e Salvador.

(25) Caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram contra aquela casa, e ela não caiu, porque tinha seus alicerces na rocha. 


Quando praticamos os princípios bíblicos... Construímos a nossa casa sobre um alicerce firme... Que não se abala com:
  • Chuvas
  • Enchentes
  • Ventos...
(26) Mas quem ouve estas minhas palavras e não as pratica é como um insensato que construiu a sua casa sobre a areia.
(27) Caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram contra aquela casa, e ela caiu. E foi grande a sua queda."

Com o tempo bom as duas casas pareciam firmes... Mas diante das tempestades, a casa alicerçada sobre a rocha permanece firme.

Sucesso:


(Josué 1:8) “Não deixe de falar as palavras deste Livro da Lei e de meditar nelas de dia e de noite, para que você cumpra fielmente tudo o que nele está escrito. Só então os seus caminhos prosperarão e você será bem sucedido”.
  • Meditar...
  • Praticar...
Resultado:
  • Caminho próspero e bem sucedido.


Conclusão:

O plano original de Deus é que o homem seja restituído do descanso da alma... E o único caminho é reconhecermos a Jesus como Senhor e Salvador de nossas vidas e caminhar pelos princípios bíblicos... Mas como o Senhor reconhece que somos falhos, Deus deixou para nós um princípio de restauração:

  • (1 João 1:9) “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça."

Graça e paz,
Pra. Angela Caldas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Registre e compartilhe conosco uma experiência vivida ou um comentário de bênção. Obrigado