Translate

segunda-feira, 2 de março de 2015

Aprendendo A Viver No Espírito

A Palavra de Deus declara que:
Antes de aceitarmos Jesus, estávamos mortos em transgressões e pecados...
  • (Efésios 2:1) "Vocês estavam mortos em suas transgressões e pecados,
...E vivíamos na desobediência, satisfazendo as vontades da nossa carne, seguindo desejos e pensamentos...
  • (Efésios 2:2) nos quais costumavam viver, quando seguiam a presente ordem deste mundo e o príncipe do poder do ar, o espírito que agora está atuando nos que vivem na desobediência.
  • (Efésios 2:3) Anteriormente, todos nós também vivíamos entre eles, satisfazendo as vontades da nossa carne, seguindo os seus desejos e pensamentos. Como os outros, éramos por natureza merecedores da ira.
...Éramos dominados pela carne, por causa da nossa natureza carnal adâmica. Mas, quando aceitamos Jesus como Senhor e Salvador de nossas vidas, nascemos de novo, o nosso espírito foi vivificado... Recebemos a natureza espiritual.
  • (Efésios 2:5) "Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo" (pela graça sois salvos).
Mas a carne não nasce de novo, ela não desaparece, precisa ser crucificada todos os dias. 
  • (Gálatas 5:24) "Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e os seus desejos".

Então...Passamos a ter dupla natureza:
(Natureza carnal - natureza espiritual)
  • (Gálatas 5:17) "Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam".
Começa um conflito interno... Em relação ao que é certo e ao que é errado... 
  • A carne guerreia contra os princípios espirituais.
  • E o Espírito guerreia contra a carne... Nos incentivando a fazer a vontade de Deus.

Essa passagem descreve o conflito interno entre a antiga natureza e a nova natureza recebida no novo nascimento:

(O apóstolo Paulo também enfrentou esse conflito)

(Romanos 7) 
(19) "Pois o que faço não é o bem que desejo, mas o mal que não quero fazer, esse eu continuo fazendo.
O apóstolo Paulo não estava conseguindo alcançar o padrão de santidade que ele desejava. E revelou essa dificuldade...

(20) Ora, se faço o que não quero, já não sou eu quem o faz, mas o pecado (natureza carnal e não dos atos do pecado) que habita em mim.
Ele referiu claramente a respeito da antiga natureza, que habita em nós... E insiste em nos levar para os atos do pecado.

(21) Assim, encontro esta lei (lei do pecado) que atua em mim: Quando quero fazer o bem, o mal (natureza carnal) está junto a mim.
Queria fazer o bem...
Mas... Com muita luta interior...

(22) Pois, no íntimo do meu ser tenho prazer na lei de Deus;
O homem espiritual tem prazer na vontade de Deus revelada através da Sua Palavra.

(23) mas vejo outra lei (a lei do pecado) atuando nos membros do meu corpo, 
Desejando usar o seu corpo físico como instrumento da injustiça. 

guerreando contra a lei da minha mente (discernimento espiritual)tornando-me prisioneiro da lei do pecado que atua em meus membros.
Qualquer cristão que se entregar ao pecado, será prisioneiro dele.
  •  (2 Pedro 2:19) "Pois o homem é escravo daquilo que o domina". 
(24) Miserável homem eu que sou!
Por esforço próprio (sem a ajudada de Deus) nunca conseguiremos crucificar a nossa carne. 

Quem me libertará do corpo sujeito a esta morte?
Ele responde no versículo seguinte...

(25) Graças a Deus por Jesus Cristo, nosso Senhor! 
Porque é através de Jesus Cristo e a cruz que a cadeia da desobediência é quebrada...

De modo que, com a mente, eu próprio sou escravo da lei de Deus; mas, com a carne, da lei do pecado". 
Existe um conflito interno dentro de toda pessoa nascida de novo...


Temos que fazer um escolha.
O apóstolo Paulo nos apresenta um solução:

(Romanos 8) 
(5) "Porque os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne; mas os que são segundo o Espírito para as coisas do Espírito.
Para sabermos se estamos inclinados para a carne ou para o Espírito é só nos fazer essas perguntas
  • O que ocupa os meus pensamentos?
  • São pensamentos que me aproxima mais de Deus, ou do mundo?
  • E minhas atitudes tem agradado a Deus?

(6) Porque a inclinação da carne é morte;
Morte espiritual... Separação de Deus.

mas a inclinação do Espírito é vida e paz.
Quando fazemos a vontade Deus ficamos alegres em paz... E caminhamos para a vida eterna com Deus.

(7) Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de Deus, nem, em verdade, o pode ser.

(8) Portanto, os que estão na carne não podem agradar a Deus."
Temos que nos inclinar em direção ao Espírito.


O lugar da carne hoje:

(9) "Entretanto, vocês não estão sob o domínio da carne, mas do Espírito, se de fato o Espírito de Deus habita em vocês. E, se alguém não tem o Espírito de Cristo, não pertence a Cristo". 
  • (Gálatas 5:24) "E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências".
Nós temos o Espírito Santo, por isso temos forças para resistirmos a desobediência... 


E temos o Espírito Santo que nos convence de todo pecado:

  • (João 16:7,8) "Mas eu lhes afirmo que é para o bem de vocês que eu vou. Se eu não for, o Conselheiro não virá para vocês; mas se eu for, eu o enviarei. Quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo".
Nós pregamos a Palavra de Deus, porém somente o Espírito Santo pode abrir o coração do homem e convencê-lo do pecado.

Passos para quebrar a cadeia da desobediência:

1. Pedir perdão a Deus pelo pecado da desobediência: 
(2 Coríntios 7:1) "Amados, visto que temos essas promessas, purifiquemo-nos de tudo o que contamina o corpo e o espírito, aperfeiçoando a santidade no temor de Deus".
Temos que pedir perdão por todos os nossos pecados: Os pecados que cometemos na carne e os que cometemos nos pensamentos... 
  • Pecado tem nome...
2. Buscar conhecimento da Palavra de Deus:
(João 8:32) "E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará".
Só seremos livres se conhecermos profundamente a Palavra de Deus. Porque sempre estaremos no escuro a respeito de muitas coisas...
Quanto mais Palavra de Deus... Mais liberdade...

3. Viver no Espírito: (Antídoto contra a desobediência)
(Gálatas 5:16) "Por isso digo: vivam pelo Espírito, e de modo nenhum satisfarão os desejos da carne (natureza pecaminosa)."
Viver no Espírito, é buscar:
  • Conhecimento da Palavra de Deus.
  • Uma vida de oração.
  • Jejum.
  • Amizades com pessoas tementes a Deus... E jamais deixarmos de congregar.

Conclusão:

  • (1 Coríntios 10:13) "Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele lhes providenciará um escape, para que o possam suportar".
    Devemos deixar o Espírito Santo conduzir as nossas vidas através do nosso conhecimento da Palavra de Deus. Seremos sim tentados enquanto tivermos nessa Terra, mas Deus não permitirá que sejamos tentados além daquilo que podemos suportar, antes porém nos dará o escape...

    "A meditação tem poder para digerir e transformar porções especiais da Palavra de Deus em nutrientes para a nossa alma". Agostinho

    Graça e paz,
    Pra. Angela Caldas.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Registre e compartilhe conosco uma experiência vivida ou um comentário de bênção. Obrigado